Ações interculturais na formação de professores indígenas kaingang e guarani - um caminho de volta para casa

Maria Aparecida Bergamaschi, Magali Mendes de Menezes

Resumen


Neste trabalho refletimos sobre os possíveis processos interculturais a partir de uma ação de formação
de professores indígenas, Kaingang e Guarani. Apresentamos a Ação Saberes Indígenas na Escola,
seus desdobramentos nacionais e, especialmente locais, nos debruçando sobre o núcleo coordenado
pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, junto com coletivos pertencentes a estes dois povos
indígenas do estado situado no extremo sul do Brasil. O objetivo principal deste artigo é mostrar como a
ação de formação fortalece a atuação autoral e protagonista de a(u)tores indígenas - professores, sábios e
lideranças - no que tange à educação escolar, bem como evidenciar a relação de parceria que se estabelece
entre indígenas e universidade, desde a coordenação, implementação e desenvolvimento da ação em
um processo de colaboração intercultural. Se, historicamente, os povos indígenas brasileiros foram
marcados pela ação tutelar do Estado nacional que interviu diretamente sobre a autonomia individual e
coletiva, a Ação Saberes Indígenas na Escola se mostra como um contraponto à tutela, colaborando para
o protagonismo indígena no que diz respeito à condução dos processos de educação escolar.

Palabras clave


Formação de professores indígenas, educação escolar kaingang, educação escolar guarani, colaboração intercultural, interculturalidade

Texto completo:

PDF

Enlaces de Referencia

  • Por el momento, no existen enlaces de referencia




Copyright (c) 2018 Cuadernos del Instituto Nacional de Antropología y Pensamiento Latinoamericano



Los trabajos publicados en esta revista se encuentran bajo la Licencia  licencia Creative Commons Atribución-NoComercial 


Revista Cuadernos del Instituto Nacional de Antropología y Pensamiento Latinoamericano

e-ISSN 2422-7749

Directora: Leonor Acuña

Editor Responsable: Lidia Chang

 Propietario: Instituto Nacional de Antropología y Pensamiento Latinoamericano.

3 de febrero 1378, Ciudad Autónoma de Buenos Aires, Buenos Aires (1419).
Tel: 54 11 4782-7251 / 4783-6554. [email protected]
https://revistas.inapl.gob.ar/index.php/cuadernos
https://inapl.cultura.gob.ar/

                          

                          Gmail             Instagram          Academia